Pantanal: diversão e aventura com 3 crianças!

Pantanal: diversão e aventura com 3 crianças!

Imagem: Share Alike

A Elizabeth Oliver, das lojas Capitollium, é nossa amiga de longa data e, assim como nós, é uma viajante de carteirinha. Já fez viagens muito legais em família, uma delas para a Austrália quando seus filhos eram ainda bem pequenos. A Beth fez recentemente uma viagem incrível com o marido e seus três filhos para o Pantanal. Nós que adoramos uma viagem em família (e se
tiver aventura então a gente pira! rsrs) pedimos todas as dicas! Veja o que ela
contou para o
Eu Viajo Com Meus Filhos sobre esta experiência incrível em família.

Quantos adultos e quantas crianças viajaram? Vocês foram por conta própria ou compraram algum pacote? 
Fomos em 2 adultos (Chris e eu) e 3 crianças de 2, 5 e 6 anos, fomos por conta própria.
Queríamos ficar mais livres e também num lugar só, sem ter que mudar de lugar a cada 2 dias. A maioria dos pacotes oferece 3 dias no Pantanal e 3 em Bonito. Desta vez queríamos fazer somente o Pantanal. Pesquisamos todos os hotéis disponíveis na internet, trocamos mensagens com vários deles para escolher um que oferecesse atividades inclusas no pacote e que fosse de fácil acesso, pois fomos de carro. Alguns hotéis são acessíveis  apenas por avião, mesmo na época de seca. Também procuramos sentir quais hotéis eram amigáveis e preparados para receber crianças. Nós
ficamos bem no meio do Pantanal, a aproximadamente 100Km de Miranda, ao lado da estrada Parque, que corta o Pantanal.
Quantos dias ficaram? Qual hotel se hospedaram?
Ficamos uma semana. Nos hospedamos na pousada Xaraés.
A pousada oferece boa estrutura para crianças? 
A estrutura da pousada foi perfeita para as crianças. Além de ficar no meio do Pantanal, como queríamos, e longe de uma cidade grande, os quartos são espaçosos, o hotel  tem uma piscina bacana, sala de leitura/descanso /jogos e as refeições são inclusas no preço da diária. A comida é pantaneira, bem caseira e com opções que todas as crianças gostam. Além disto, a equipe do hotel foi ESPETACULAR com as crianças. O Lucas, garçom que nos atendia nas refeições virou super amigo das crianças, levou eles para conhecer o tatu que morava no pátio atrás da cozinha e não perdia uma chance de mostrar algo legal para eles. Os passeios organizados pela Pousada foram o ponto alto da viagem. Nosso guia, o Edson, além de ser um super conhecedor e apaixonado pelo Pantanal, tem um jeito todo especial de lidar com as crianças. Ele foi nosso guia durante a semana toda e nos levou em 2 passeios por dia. Fomos andar a cavalo, de barco e caiaque no rio que passa atrás da fazenda,  fizemos trilhas a pé pelos capões e um passeio noturno. Em cada um dos passeios ele nos explicava sobre os animais e plantas que estávamos vendo, além de contar bons ” causos” das suas aventuras pelo Pantanal. No segundo dia na pousada, ele nos deu uma palestra apresentando um vídeo explicando como se formam as cheias do pantanal e outras informações que nem mesmo eu, que já estivera 3 vezes por lá, não sabia. O Edson é nascido na região e já trabalhou com várias equipes de pesquisa no Pantanal, portanto tem muito conhecimento para passar!
Imagem: Pousada Xaraés
E a pousada oferece comidinhas para crianças? 
A pousada não é grande e o restaurante fica bem no meio da estrutura, entre os quartos e a
sala de jogos. Alem das refeições serem bem bacanas para as crianças, sempre tinha arroz e feijão, carne e verdurinhas. Entre as refeições, se batesse uma fominha, dava para pedir uma fruta ou pegar um pedaço de bolo que as cozinheiras assavam todos os dias.
Quais passeios fizeram por lá? Quais outras cidades visitaram? 
Fizemos passeio de barco, de canoa e pescamos piranha no rio. Fizemos safári de
carro (a pousada tem Toyotas adaptadas próprias para os safáris), passeios a pé, passeio noturno e a cavalo. Desta vez ficamos somente no Pantanal e não visitamos nenhuma outra cidade. queríamos ver bicho e mato!
Imagem: Pousada Xaraés
Por que o Pantanal  é um destino legal para levar crianças? 
A natureza no Pantanal é exuberante! eu sempre fui uma apaixonada pela região e quis mostrar
a beleza dos animais, dos rios, do céu estrelado à noite, que você não encontra perto de uma cidade, para os nossos filhos. Além disto, achamos super importante mostrar para eles que a natureza precisa ser preservada e que se a gente conhece e gosta dos animais, fica mais fácil entender a razão de protegê-los! Vimos jacarés, capivaras com filhotes, ariranhas, araras azuis, martim-pescador, garças, tuiuiús, colhereiros (o preferido da Martina, pois é cor de rosa!),
veados, bugios e muitos outros animais. Ficaram faltando a Anta e a Onça Pintada. Assim temos um motivo para voltar.
Imagem: Pousada Xaraés
 Existe alguma “restrição” para visitar o Pantanal com crianças? 
Eu sempre fui na época de seca, quando as águas baixam. Acho mais fácil e cômodo com as
crianças. É bom informar-se com o hotel para saber qual a melhor época (entre maio e julho) pois quando fica seco demais, os pássaros migram para a parte mais central do Pantanal e a quantidade de animais diminui. Perde um pouco da graça pois é lindo ver 200, 300 pássaros em volta de uma lagoa. É preciso ter um pouco de espírito de aventura pois não tem farmácia ou médico
ali na esquina, mas não tivemos dificuldade nenhuma em viajar com o Thomas, que estava com 2 anos apenas. Ele aproveitou muito, fez todos os passeios, dormiu sobre o cavalo durante o passeio e curtiu cada bicho novo que a gente via!
 
Quais são suas dicas para quem estiver planejando viajar para  o Pantanal com crianças? 
Acho fundamental levar repelente (a pior coisa do pantanal são os mosquitos) uma pomada para picada de insetos e anti-alérgico, caso as crianças tenham alergia aos mosquitos, botas ou galochas , para passear no barro e lama e um sapato fechado para caminhadas. Roupas de banho, boné e protetor solar. Uma visitinha ao pediatra antes da viagem pode ser útil para montar uma farmacinha básica para as crianças caso tenham febre, dor de ouvido etc.  Tem que levar tudo, pois lá não dá para comprar. Como nós fomos em julho, no meio do inverno, levamos dois tipos de roupa. Chegamos lá com um calor de 34/35 graus e no meio da semana entrou uma frente
fria e a temperatura baixou para 18 graus! Caso as crianças tenham alguma coisa que elas não podem viver sem, tipo chocolate, bolacha ou guloseimas, é preciso levar na mala. O Thomas só pode tomar leite sem lactose, então levamos uma quantidade suficiente para a semana.

9 comentários

  1. ResponderCíntia Anira

    Fui ao Pantanal com minha filha quando ela tinha 10 meses. Fizemos passeios de barcos nas baías, na época das cheias, época de abundância de piranhas (e de peixes – seu alimento!) Os jacarés estavam por toda parte. Foi uma aventura e tanto!

    Levei repelente, protetor solar e farmacinha. As picadas de pernilongos aconteceram em uma praia da Paraíba na viagem seguinte. Do Pantanal, voltamos ilesas.

  2. Respondercristine

    Estava hiper insegura em viajar na pascoa com meus filhos: 2 e 7 anos mas depois de ler sua experiência acho que e isso que eles precisam. Chega de resorts e Disney, vamos conhecer a Natureza. E quero ficar na pousada Xaraes. Vou falar com meu agente de viagens. Bjs

  3. Responderregiane

    Olá, adorei esse site de cara por causa do nome, eu sempre viajo com meu único filho desde os quatro meses, adoro! Sempre eu e ele, ele e eu! Eu estarei viajando pro pantanal na terça feira, estava com muito receio pq sou muito litoral mas resolvi fazer essa viagem pelo meu filho Thomás que tem 6 anos e adora bichos, fiquei muito animada com os relatos e me empolguei obrigada por ter compartilhado sua experiência!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *