Douro para crianças!

Douro para crianças!

Isso mesmo… Douro, a região de vinhos, com crianças! Quem disse que este lugar é só para adultos?! Não, não… existem passeios lindos, hotéis super equipados para os pequenos e atividades para todas as idades.

Este ano dividimos nossas “férias” de Páscoa em dois: uns dias em Salamanca, Espanha, e outros no vale do rio Douro, em Portugal. Vou começar pelo vale do Douro e em outro post conto a experiência das procissões de Semana Santa em Salamanca.

Localização Douro

Localização Douro

As cidades mais importantes da região do Douro são Peso da Régua e Pinhão. Notadamente conhecida pelo excelente vinho do Porto, já há alguns anos a região também produz deliciosos vinhos de mesa. Assim que, para os adultos, a diversão está garantida! Mas e a criançada; o que pode fazer em um entorno de parreiras e oliveiras?! Muito, mas muito mesmo!

Passeios pelo Douro

Começando pelas excursões à pé ou em bicicleta saindo, principalmente da Régua e de Pinhão, pela margem do rio. É possível escolher diferentes percursos dependendo da preparação física e do tempo disponível. Há algumas empresas que fazem este tipo de excursões, mas não posso indicar nenhuma porque fizemos os passeios por nossa conta.

Uma opção linda são os passeios em barco! Há muitas opções de duração, de tipos de barco e de itinerários. Nós fizemos o passeio de duas horas com o barco rebelo (barco típico desta zona) elétrico saindo do Pinhão em direção à Espanha, pela parte mais “selvagem” do rio, com a Magnífico Douro. O pessoal foi atencioso com o Kai e o passeio realmente vale a pena!

                     REBELO_2 IMG-20150408-WA0006

Outro passeio muy bonito é o de veleiro. A empresa Douro à Vela tem diferentes programas e o António faz você sentir que o veleiro, Libertu’s, é seu. Uma experiência única! Ele também tem dois programas que achei bem legais: “dormir à bordo” e “marinheiro por um dia“. Neste último só entram as crianças no barco, os pais ficam em terra, e ele navega, durante o tempo que estipularem os pais, para que os pequenos sintam o que é ser “marinheiro”. A criançada adora e os pais tem um tempinho de visitar alguma Quinta mais exclusiva.

"Marinheiro por um dia" no Libertu's

“Marinheiro por um dia” no Libertu’s

Recomendo estes dois tipos de barco, ou o kayak, porque o entorno pede silencio e não barulho de motor, nem de aglomeração de gente.

Também tem a rota dos mirantes… alguns de tirar o fôlego! E os passeios em helicóptero; só vi uma empresa que faz (Helitours), mas nós não fizemos este passeio.

Vista do Mirante de Pinhão

Vista do Mirante de Pinhão

Outros passeios interessantes são, na fronteira com Espanha: o Parque Natural do Douro Internacional e o Parque Natural de Arribes del Duero, na Espanha. Mas estes ficaram para uma outra viagem.

Dicas: 1. Para quem for no verão cuidado com o calor! As temperaturas sobem mesmo e, nas vinhas, chegam a quase 50 graus! 2. Alguns dos passeios em barco entram nas reclusas do Douro, os pequenos adoram ver como o barco sobe, ou desce, com a mudança do nível da água!

Onde Ficar

Há inúmeros hotéis nesta região com preços bem diferentes.  Nós ficamos no Hotel Folgosa Douro, um hotel entre a Régua e o Pinhão. O acesso é ótimo pois está na estrada que liga estas duas cidadezinhas. Pessoal muito amável e umas vistas lindas do Douro. O quarto tinha uma sacada deliciosa, onde tomávamos café da manha, e bercinho para o Kai. Desde lá foi fácil ir e vir das adegas e dos passeios.

Vistas do Hotel Folgosa Douro

Vistas do Hotel Folgosa Douro

Agora, para quem procura charme e exclusividade, o lugar é o hotel da Quinta Nova. Nós fomos visitar e o GPS colocava que a Quinta estava somente a 7km de onde estávamos, porém a 45 minutos! Depois de muitas curvas e paisagens inesquecíveis, chegamos ao paraíso! Desde o acesso, decorado com tonéis, à igrejinha do século XVIII, e as esplanadas com lindíssimas vistas sobre o vale do Douro… tudo neste lugar foi feito com atenção e carinho! A Quinta é realmente incrível!

IMG_1141

Vista de uma das esplanadas da Quinta Nova

QUINTA NOVA_6 QUINTA NOVA_7

A Quinta Nova está dividida em duas partes: a produtora de vinhos (excelentes por sinal) e um pequeno hotel com 11 quartos. Neste lugar, as pessoas também se preocuparam com os seus visitantes mirins reservando um espaço com jogos e brinquedos, diversas rotas a pé, muito espaço livre para correr e uma piscina genial! E (muito legal!) as crianças podem acompanhar a vindima de pertinho e ver como, ainda hoje, pisam as uvas para fazer o vinho!

QUINTA NOVA_4

Sala de jogos do Hotel da Quinta Nova

QUINTA NOVA_3 QUINTA NOVA_2

É possível visitar a Quinta, sem ser hóspede, com reserva e, durante a vindima, participar em quase todo o processo. O Kai amou a visita!!!!

QUINTA NOVA_5

Visita Quinta Nova

Dica: para quem quiser visitar a região entre final de agosto e começo de outubro (vindima) é melhor reservar já pela grande procura de turistas nesta época.

Onde Comer

Outra vez há várias opções para todos os gostos e bolsos. Normalmente as vinícolas que têm hotel, também abrem seus restaurantes para o público em geral. A Régua e o Pinhão oferecem diversos restaurantes de comida rápida e gostosa.

Um restaurante que agrada a todos e vistas lindas é o Torrão. Comida gostosa (tem comida para todas as idades e gostos), bom atendimento (tem cadeirão) e estacionamento na frente (muito cheio nos finais de semana).

Em frente ao Hotel Folgosa Douro está o famoso DOC, do chef Rui Paula. Mesmo não sendo um restaurante baby friendly ou kids friendly eles têm um menu infantil e cadeirão. Senão for para comer, vale a pena passar e parar para um café somente pelas vistas.

IMG-20150404-WA0016

Vistas do restaurante DOC

Como Chegar

À Regua é possível chegar de trem e de barco (desde o Porto há varias empresas), de carro e de helicóptero. Nós vínhamos de Salamanca, mas as estradas desde Lisboa (3:30 horas) ou desde o Porto (1:20 horas) são boas. Só tem um trecho, indo para Lisboa, até chegar em Coimbra que é pista única.

O ideal é ter um carro para poder visitar as diferentes vinícolas e fazer mais programas com as crianças.

E com estas paisagens maravilhosas se acaba mais uma das aventuras do Kai !

VISTAS CAMINHO QUINTA NOVA_2

Vista do Douro desde a Quinta Nova

VISTAS CAMINHO QUINTA NOVA_1

Passeio em barco

 

Ana Pagliuso, mãe do Kai de 1 ano. Arquiteta, mãe e passageira, seja para onde for a viagem. Ela adora viajar em família e mostrar diferentes países e culturas ao Kai.

 

Leia outros posts da Ana:

1 ano de vida e 22 viagens

Ruta Pueblos Blancos com criança

Lisboa: parques e mais parques

Guimarães: a jóia portuguesa

Ana, mãe do Kai de 1 ano. Arquiteta, mãe e passageira, seja para onde for a viagem. Ela adora viajar em família e mostrar diferentes países e culturas ao Kai.

Ver meus outros posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *