Verão na praia e o mosquito: como se prevenir e repelentes para cada idade

Verão na praia e o mosquito: como se prevenir e repelentes para cada idade

Férias de verão, muitas viagens programadas.

O crescente número de casos de infecção pelo Zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, tem preocupado especialmente os viajantes que tem como destino o Nordeste do Brasil.

Como se prevenir?

Quem pode usar repelente?

Qual repelente usar e a partir de que idade?

O mosquito Aedes aegypti possui cor preta e listras brancas nas pernas e corpo, no entanto não é fácil a sua identificação a olho nu.

Qualquer local que acumule água limpa pode ser foco de reprodução do mosquito.

O Aedes aegypti possui hábito diurno, costuma picar nas primeiras horas da manhã ou fim da tarde e sua picada em geral não dói e não coça.

Quais os sintomas da infecção pelo Zika vírus?

Os sintomas da infeção se iniciam cerca de 10 dias após a picada e podem ser comuns aos manifestados em outras doenças. Pode surgir febre acima de 38ºC e manchas vermelhas no corpo com bastante coceira, dor nas articulações (especialmente de mãos e pés) e conjuntivite. Não existe um tratamento específico para o vírus, assim como o exame que confirma a doença não está disponível na maioria das cidades.

A associação do ZIKA vírus (adquirido pela mãe durante a gestação) com a MICROCEFALIA em recém nascidos já está estabelecida.
Não há indícios de que o Zika vírus cause SINTOMAS NEUROLÓGICOS DEGENERATIVOS em crianças e idosos.
Especula-se que o vírus possa ser responsável pelo aumento do número de casos de Síndrome de GUILLAIN-BARRÉ, uma doença em que há perda de força muscular.

 

ORIENTAÇÕES QUANTO A PREVENÇÃO E AO USO DE REPELENTES:

  1. Usar roupas de manga longa, calça comprida e de cores claras. As cores escuram atraem os insetos.
  2. Usar mosquiteiros e telas em janelas.
  3. Ar condicionado ajuda a afastar os insetos.
  4. Repelentes elétricos de tomadas podem ser usados próximos de portas e janelas
  5. Repelentes aplicados diretamente sobre a pele não devem ser mantidos por período de tempo prolongado. Não permitir que a criança durma durante a noite com o repelente na pele.
  6. Gestantes e mulheres que estão amamentando podem usar Repelentes
  7. Aplique primeiro o FILTRO SOLAR, espere 30 minutos e depois aplique o REPELENTE.
  8. PERMETRINA 0,5% em spray pode ser aplicada em telas, mosquiteiros e roupas. Este produto especificamente para esta finalidade infelizmente só existe em outros países. No Brasil dispomos somente da Permetrina spray para uso veterinário, que pode ser aplicado nas telas protetoras porém NÃO DEVE SER APLICADA NO CORPO OU PARTE INTERNA DAS ROUPAS.

ABAIXO 6 MESES:

Não há estudos que comprovem segurança do uso de repelentes

6 MESES – 2 ANOS:

• Óleos Naturais (Citronela / Andiroba) – são voláteis e conferem proteção por curto espaço de tempo

• IR3535 (loção antimosquito) – protege cerca de 4 horas / período de ação contra o Aedes aegypti parece ser bastante curto

• Pulseiras de Citronela podem causar Dermatite de Contato

ACIMA DE 2 ANOS:

• DEET (Autan / Off / Off kids / Repelex) – as concentrações preconizadas pelos países diferem bastante. No Brasil a maioria dos produtos disponíveis possui menos de 10 % ou no máximo próximo de 15% de DEET, possivelmente esta concentração é insuficiente para prevenir Dengue ou Zika.

• ICARIDINA (Exposis) – é um princípio ativo derivado da pimenta, permite aplicações mais espaçadas (a cada 10 horas) e confere melhor proteção contra o mosquito Aedes aegypti. No Brasil está disponível nas concentrações de 20 e 25% que podem ser usadas nas crianças a partir dos 2 anos de idade. Existe uma versão que pode ser aplicada nas roupas, porém não aplicar em pijamas ou roupas utilizadas para dormir.
É o princípio ativo que parece ser mais eficaz na prevenção da picada do mosquito Aedes aegypti.

IMPORTANTE: A melhor maneira de prevenir as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti é combater os focos e a sua proliferação

** Nota: declaro não haver qualquer conflito de interesse**

** Informações retiradas das orientações da Sociedade Brasileira de Pediatria e Sociedade Brasileira de Dermatologia

 

** Me chamo Juliana, sou mãe de dois lindos meninos: Leonardo (8 anos) e Rafael (4 anos). Mãe e Pediatra que ama viajar e mostrar para os meninos novos lugares e novas culturas.

 

FB: www.facebook.com/drajulianaloyolapresa

Dra Juliana Loyola Presa (CRM Pr 17834)

Presidente do Departamento de Dermatologia da Sociedade Paranaense de Pediatria

 

 

 

Patricia Papp é mãe do Pedro (13 anos) e da Luiza (8 anos) e ama viajar em família. É autora do livro "Como Viajar com Seus Filhos Sem Enloquecer" e "Praias do Nordeste com Crianças".

Ver meus outros posts

2 comentários

  1. Pingback (citações em outros sites/blogs): » Aproveite o verão com saúde! - Uromaster Urologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *