As Melhores Viagens com Crianças – Aracaju

As Melhores Viagens com Crianças – Aracaju

Fiquei com uma ótima impressão de Aracaju. A cidade está muito legal e é super child friendly. Está bem diferente do que era, quando passei por lá há mais de 10 anos. Aracajú tem um clima gostoso, sem aquela zoeira de barulho e trânsito de cidade grande. A Orla de Atalaia foi toda transformada nos últimos anos, é um grande parque com brinquedos para as crianças, pistas para bicicleta, corrida, patinação, skate, etc. Os playgrounds são coloridos e divertidos,  o maior de todos é o Mundo Maravilhoso  das Crianças.

Os sergipanos são simpáticos e a comida é super gostosa. Muita carne de sol, peixes, camarão, caldinho de sururu e caranguejo.  A única coisa que falta mesmo, é o mar verde. Mas fizemos tantos programas legais e ficamos tão bem instalados, que compensou.

ONDE COMER

Na beira mar há muitas opções de restaurantes, quase todos tem o chamado espaço kids, que pode ser uma sala cheia de brinquedos para crianças, pula pula ou playgrounds de todos os tipos, cores e tamanhos. Na passarela do caranguejo fui no Casquinha de Caranguejo e no Cariri, A Luiza e o Pedro brincaram até cansar. No Cariri trouxeram um BER-CI-NHO (!!!) e colocaram do lado da mesa, quando viram que a Luiza estava quase dormindo no meu colo. Cheguei a conclusão que, por lá, quem tem filho, não precisa deixar de sair para tomar uma cervejinha e bater papo com os amigos.

PARA DORMIR

Ficamos hospedados no ARUANÃ ECO PRAIA HOTEL e fiquei super satisfeita. O hotel fica um pouco afastado do centro (não chega a ser 5 minutos, mas para Aracaju, é considerado bastante), mas ele é novo e a estrutura é perfeita para quem está viajando com família. Os quartos são amplos, arejados, a piscina tem uma área para crianças pequenas e tem até brinquedoteka. Achei muito legal o fato de que na beira da piscina há banheiros feminino, masculino e um infantil, com fraldário, mini privadas e mini pias, todos com detalhes bacanas na decoração.

O hotel tem algumas facilidades como transfer diário para alguns locais.

Na frente do hotel fica um restaurante bem bacana, o Sollo. O cardápio é de babar!

Consegui tarifas mais baratas no Booking.com do que direto com o hotel.

A maioria dos hotéis se concentra na orla, perto do Centro de Cultura e Arte e do Oceanário, há diversas opções, grande parte é bastante novo como o Mercure, Radisson Aracaju, e o Aquarios. Eles são bem localizados, mas não são tão charmosos quanto o Aruanã. Outra opção é Hotel Parque dos Coqueiros. Não cheguei a conhece-lo por dentro, mas um taxista me falou que ele está precisando de renovação.

PARA IR A PRAIA

Um pouco mais para frente do hotel fica o Parati, um dos restaurantes/barracas de praias mais famosos. Ele é super estruturado, com decks, chuveiros, banheiros limpos e playground para as crianças. Um pouco depois do Parati, fica o Com Amor Beach Bar que (dizem) é ainda mais apropriado para crianças, mas não cheguei a ir.

PASSEIOS

OCEANÁRIO EM ARACAJU e PROJETO TAMAR EM PIRAMBU

As crianças adoraram o Oceanário. O espaço, do Projeto Tamar, tem diversos aquários fechados, com peixes e araias enormes, e também alguns abertos, com tartarugas e tubarões.

Oceanário
Av. Santos Dumont, s/n – Orla de Atalaia – Bairro Atalaia
Fone: (079) 243-3214 / 223 – 3610
Horário: 3ª a 6ª, das 14 h às 20 h / Sábado, Domingo e feriados, das 12h às 21h

Também fomos no Projeto Tamar, em Pirambu, no litoral norte do Sergipe. Fica a 80km de Aracaju. Esta foi a primeira base do Projeto no Brasil. Lá acontece a desova das tartarugas. Vimos alguns filhotinhos que haviam nascido naquela manhã.

MERCADO MUNICIPAL

Adorei o Mercado Municipal, almoçamos em um restaurante no segundo andar do prédio do artesanato (os outros prédios são de horti-fruti e frios) em um restaurante super simpático e com uma comida muito gostosa, o Caçarola.

Escada que leva para o restaurante Caçarola

Lá, aproveitamos para apresentar a Literatura de Cordel para o Pedro.

CIDADES HISTÓRICAS

Há 30 minutos de Aracaju, fica São Cristovão, uma cidadezinha histórica simpática. A Praça de São Francisco acabou de ganhar o título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO. Entramos na igreja e no museu (que tem algumas obras muito bonitas), mas por lá, tudo fecha cedo.

Outro passeio lindo, é ir a Mangue Seco, que fica na divisa entre os estados da Bahia e Sergipe. Lá não circulam carros (é necesário ir de barco), há pouca estrutura, mas é paradisíaco. Cogitamos passar o Ano Novo lá, há duas pousadas que gostei, a Eco Pousada O Forte e a Fantasias do Agreste. Acabamos decidindo ir para o norte porque, tanto eu como o Nuno, já conhecíamos Mangue Seco.

E o passeio mais esperado de todos foi até o Canion do Xingó, mas este vou deixar para o post do Rio São Francisco.

Patricia Papp é mãe do Pedro (13 anos) e da Luiza (8 anos) e ama viajar em família. É autora do livro "Como Viajar com Seus Filhos Sem Enloquecer" e "Praias do Nordeste com Crianças".

Ver meus outros posts

39 comentários

  1. ResponderLivia Gonzaga

    Que delícia essa viagem, Pati! Voltei de São Luís há 5 dias e a cidade também está uma delícia para curtir com as crianças. Estou adorando as suas dicas de Aracaju! Beijocas,
    Livia
    maeviajante.com

  2. ResponderAvassaladora

    Eu amo Aracajú! O povo é uma gracinha, é nordeste mas não é exorbitantemente caro, a comida é boa, mas realmente a praia deixa mesmo a desejar…
    Fui muito à trabalho e ficava sempre em Atalaia, mas fui com o pequeno para o Star Fish, que é um All Inclusive do outro lado da cidade, na Ilha de Sta. Luzia, mas pra ser sincera, não gostei não… muito caidinho…

    1. Responderpatipapp

      Cheguei a dar uma olhada no Star Fish, mas ele estava fechado na época, agora ele se chama
      Dioro Santa Luzia Resort & Convention, quem sabe tenham dado uma renovada!

      1. Responderpatipapp

        Acabei de ver uma matéria dizendo que ele deveria reabrir em novembro (de 2011) mas que poucos acreditavam que ele realmente reabriria. Então nem sei dizer se abriu ou não!

      2. ResponderAnna Guimarães

        Oi Patrícia!
        Tudo bem?
        Que bacana seu post sobre Aracaju. Bom saber que nossa (ou quase nossa, já que sou baiana rs) agrada tanto.
        Olha só! O Dioro, que não é mais Dioro, reabriu, como esperávamos, bem depois do que haviam previsto. Desde o início de novembro de 2012 ele está operando como Prodigy Beach Resort e agora, no feriado do dia 15, estava lotado. Vamos ver se dessa vez ele engrena!
        Abraço,
        Anna

  3. Pingback (citações em outros sites/blogs): As melhores praias do Brasil com crianças: palavras de Blogueiros! « Viajando com Pimpolhos

  4. Pingback (citações em outros sites/blogs): Sergipe com família na revista de bordo da GOL | Coisas de mãe

  5. ResponderFabiane

    Olá, gostei muito das dicas e dos detalhes. Estou indo com minha filha de 3 anos e estou na dúvida entre o Aruanã e o Mercure. Vi uma matéria que no Aruanã tem muito pernilongo e que temos que levar repelente. É verdade???? E os micos?

    1. Responderpatipapp

      Eu não tenho nada contra o Mercure, já fiquei diversas vezes nele, em diversas cidades, com e sem filho. Mas acho o Aruana muito mais charmoso, com mais espaço para as crianças brincarem. Os macaquinhos são uma graça. A vantagem do Mercure é que ele fica mais perto do centro da Orla. Eu, se voltasse, ficaria de novo no Aruana. Quanto aos mosquitos leve repelente (não sei se nesta época do ano tem mosquitos). Nos quartos, parece que agora tem tela, o que impede a entrada deles.

  6. Pingback (citações em outros sites/blogs): Quem quer ganhar uma estadia no Hotel Aruanã com a família? | Coisas de mãe

  7. Pingback (citações em outros sites/blogs): Aracaju com a família, quem quer? | Pulp Edições

  8. Respondercamila

    OI! Adorei suas dicas!
    Pretendo viajar com meus filhos (4 e 8 anos) em outubro. Estou em duvida entre praia do forte e litoral de alagoas (porto de galhinhas ou maragoggi ou outro). Tb estou com duvida se compensa um resort tipo all inclusive ou um hotel. o que vc acha? obrigada!!

    1. Responderpatipapp

      Depende muito do estilo da tua família. As crianças sempre gostam de hotéis com estrutura all inclusive pois elas podem circular com uma certa liberdade e acabam encontrando outras crianças. Mas se você gosta de descobrir restaurantinhos ou lugarezinhos diferentes, não vai ser dentro de um resort. Meus filhos acabaram de voltar da Praia do Forte e amaram!!!

  9. Pingback (citações em outros sites/blogs): Projeto Tamar na Praia do Forte | COISAS DE MÃE I Patrícia Papp

    1. ResponderErika

      Monica, estou no Hotel Celi e estamos adorando! É bem próximo a Passarela do Carangueijo e do Mundo Maravilhoso das Crianças. Mas no Hotel mesmo nao ha muita atracao para criancas- apenas uma piscina pequena com um escorregador.

  10. Responderviviane maria silva

    Oi Paty adorei seu Post queria muito saber se vc tem alguma opnião sobre Meps Executive Hotel, é bem mais simples que o Aruana, mas é bem mais barato tb. Fiquei super curiosa para conhecer Aracaju, tenho 2 pimpolhos em de 4 anos e outra de 3 anos.

    1. Responderpatipapp

      Oi, não conheço! Se ele for bem localizado, ficar perto da Orla e dos outros hoteis como o MErcure, ou tiver um estrutura simpática (mesmo que um pouco mais afastado como o Aruana), acho que vale a pena!!!

  11. ResponderMaria Cecilia

    Conheci Aracaju em janeiro deste ano, em companhia de meus dois filhos e um sobrinho. Realmente a cidade é um encanto para as crianças e, consequentemente, para os pais. Só faço uma ressalva, no que tange ao “Mundo Maravilhoso das Crianças”. O parque possui uma pista com carros movidos a gasolina, os quais são pilotados pelas crianças – um verdadeiro atrativo para a “molecada”. Ocorre que os carros são mal conservados e o serviço é gerido por pessoas totalmente despreparadas. Minha filha de 9 anos estava em um desses carros com meu marido, quando foram atingidos por um outro carro, por trás. O motor do veículo, a poucos centímetros da cabeça de minha filha, começou a pegar fogo. Por pouco não presenciamos uma tragédia. Meu marido, indignado, insistiu para que o serviço fosse suspenso de imediato, de forma a verificar se os outros carros não estavam com problemas também. Nesse momento ele foi surpreendido por um “Não podemos parar. Temos que ganhar a vida.” Procuramos a Delegacia de Turismo e tentamos falar em vários de seus números, sem sucesso em nenhuma das tentativas. Faço um alerta para que os pais não submetam seus filhos ao risco dessa brincadeira. No geral, o parque é muito agradável aos pequeninos. E a cidade é, sem dúvida, um excelente destino para viajar com as crianças.

  12. ResponderCarolina Rosa

    Olá!! Super agradeceria se pudessem me responder..
    Irei com meu marido e filhinho de 1 ano e 4 meses para Aracaju em agosto desse ano. Estamos precisando muito desses dias de descanso, ficaremos 10 dias.
    Gostaria de saber se poderiam me sugerir opções de lazer para família, restaurantes com cardápio para crianças ( é fácil achar algum restaurante que serve um comida mais simples pra criança.. Tipo, arroz, feijão, legume cozido.. Carne vermelha??) e principalmente citarem lugares que são “furadas” . Nesse hotel Aruanã, ou em algum hotel tem cozinha comunitária caso eu queria preparar algo pro pequeno?? Vocês indicariam locação de automóvel ou utilizar táxi??


    1. Autor
      ResponderPatrícia Papp

      Olá!

      Muito restaurantes tem cardápio infantil e até playground para as criancas, mesmo na passarela do CAranguejo, onde ficam os mais movimentados!!! Eles tem até bercinho! Durante o dia procure uma das barracas de praia que eu citei no post (como a POR AMOR), que também tem estrutura para crianças. Gostei muito do projeto TAMAR. Acho que o Canion do Xingo pode ser um pouco cansativo para vocês porque são muitas horas até la. (Embora o passeio seja uma delícia).

      O Aruanã tem um espaço kids. É legal ligar e perguntar qual era a estrutura. Tem um bom restaurante na frente!!!

      Acho que vai ser um ótimo passeio!

      bjs

    1. ResponderViajo com filhos

      Oi Rachel,

      a estrutura do barco é boa, tem sombra, bancos, mas depende da dinâmica de vocês, eles gostam de ficar caminhando? Aguentam um passeio de 40 minutos em um barco? La no meio do Canion, quando o barco atraca, a principal atração é se refrescar e ficar “boiando” nas águas do rio, uma delícia! Você acha que eles iriam curtir?

      1. ResponderThammy

        Quero muito fazer esse passeio. Quanto tempo de viagem de Aracaju até lá? É muito caro? Qual agência de receptivo recomendam? Será que aceitam pagamento no cartão? O que mais é feito lá além do mergulho? É muito fundo? É seguro?


        1. Autor
          ResponderPatrícia Papp

          Oi Thammy, a maioria dos hotéis pode te informar sobre agências que fazem o passeio, elas inclusive buscam os passageiros no hotel.

          O passeio é lindo!!! As paisagens são maravilhosas, com rochedos avermelhados que impressionam!!! São fornecidas boias e coletes salva vidas. Não posso afirmar sobre o cartão de crédito.


    1. Autor
      ResponderPatrícia Papp

      Eu amo o litoral de Alagoas, as praias são calminhas, com mar morno. Mas se você quiser mais atividades, a Praia do Forte é uma boa opção por causa do Projeto Tamar.

      O Beach Park também é ótimo (no Ceará), as crianças amam!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *