Sesc novo: tudo que São Paulo tem de legal, só que de graça

Sesc novo: tudo que São Paulo tem de legal, só que de graça

Não é de hoje que eu sou fã do Sesc. Mas depois de visitar a nova unidade aqui de São Paulo, no Centro, o Sesc 24 de Maio…. se tivesse um fã clube, eu seria a presidente, gente! O lugar reúne tudo que a cidade tem de mais legal para crianças, só que sem cobrar nenhum centavo.

Indo pela ordem cronológica do que foi nessa visita na última segunda-feira, 20 de novembro.


Como era Dia da Consciência Negra, fomos direto para a biblioteca, onde o incrível João Acaiabe. Quem lembra dele do Bambalalão ou do Sítio do Pica-Pau Amarelo? Ele contou diversas muitas lendas africanas e também falou de racismo em uma linguagem na medida para as crianças.

No final, fez várias brincadeiras e desafios de “o que é o que é?” e foi bem divertido.

A biblioteca infantil, como acontece em muitos Sescs, tinha um acervo completíssimo e vários puffs, cadeiras e cantinhos para a criançada ler. Programinha perfeito para dias de chuva!

Em seguida fomos para uma instalação que misturava arte e tecnologia, de um coletivo chamado Kosmos. Uma espécie de pinball na parede, onde as crianças podiam mexer no caminho das bolinhas. Resultado? Chamei umas 235 mil vezes até, depois de um tempão, eles toparem ir para o outros andar.

Só então chegamos à área destinada às crianças. No nono andar, havia uma quadra, paredes de escalada para pequenos e outra mais profissional, um brinquedão de madeira, cordas, balanços e trapézios, uma sala de jogos bem criativos e outra com atividades ligadas à ginástica olímpica. Ufa!

Maratona

Achei que era isso. Que nada! Uma rampa acima e o andar era parcialmente dedicado aos menorzinhos. Uma sala para bebês e crianças piticas que era a coisa mais fofa ever! Tapetinhos, fantasias, bonecas, brinquedo com escorregador e tubo para se colocar bolinhas.

Depois dessa maratona que durou umas 3 horas (renderia até mais!), convenci as crianças a subirem até a lanchonete. Aí mora sempre outra parte do Sesc que eu sou fã: os preços!

Um pedaço gigantesco de bolo de chocolate com cobertura por R$ 3,50? Amo muito! E o melhor é que tudo é bem saboroso e fresquinho. Também gostei de ver o centro de São Paulo ali do alto!

Ah, para quem quer uma refeição, a Comedoria segue a mesma linha do bom e barato.

Dessa vez, não consegui ver as exposições em cartaz no Sesc 24 de Maio – que me disseram que estão incríveis. Mas é sempre bom ter um motivo para voltar, não?

Vale lembrar que ir para o Centro de São Paulo, metrô é sempre uma opção tranquila (estação Anhangabaú ou República), mas se a ideia for de carro, há estacionamentos ali do lado do Teatro Municipal.

Aliás, emendar uma visita ao Sesc 24 de Maio com um espetáculo ao Municipal ou uma passeio na Galeria do Rock, pode ser o programa ideal para o seu fim de semana!

 

Quer outras ideias de programas em São Paulo com crianças?

Mariana Della Barba é jornalista e mãe do Theo e da Liz. Desde a barriga, os dois já foram “contaminados” por aquele bichinho que dá coceira se a gente fica muito tempo em casa 😉 Ama levar os filhos para turistar mundo afora, mas também na sua própria cidade. Tanto que escreveu o guia “São Paulo com Crianças”, lançado pela Pulp.

Ver meus outros posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *