Ilha de Itaparica com crianças: praias perfeitas de frente pra Salvador

Ilha de Itaparica com crianças: praias perfeitas de frente pra Salvador

Atualizado em

Pertinho do agito de Salvador (Bahia), em meio à Baía de Todos os Santos, existe uma ilha de tranquilidade, a Ilha de Itaparica. São quase 40 km de praias de mar azul morninho e sem ondas, um ambiente sob medida para crianças. Nós fomos para ilha de Itaparica com crianças pequenas e bebês.

Itaparica com criançasÉ muito comum o turista que está em Salvador dar um pulinho em Itaparica pra passar o dia ou um fim de semana. Tem algumas empresas que oferecem esse passeio, mas também é bem fácil ir por conta própria (tem várias dicas sobre isso mais abaixo). É tão perto que da Ilha se vê o contorno da capital bahiana.

A maior parte da ilha é ocupada pelo município de Vera Cruz, onde tem muito mais serviços essenciais, como bancos, supermercados, farmácias e hospital. Mas é menos charmosa que a cidadezinha de Itaparica propriamente dita. Ao longo da pista de mão dupla que corta toda a ilha, é possível ver uma sequência de condomínios fechados e placas com o nome de cada praia estrategicamente colocadas na frente da rua que leva até a entrada dela.

As praias da Ilha de Itaparica com crianças

Itaparica com criançasNós ficamos hospedados na praia de Conceição, em Vera Cruz, bem do lado do que era o Club Med, fechado no início de 2020. Um lugar lindo demais! (É só ver nas fotos!!)

Mas em Itaparica mesmo posso destacar cinco praias: Aratuba, onde forma piscinas naturais entre os recifes de coral na maré baixa (perfeita para quem viaja com bebês e crianças pequenas); Mar Grande, mais próxima do terminal de lancha e superbadalada nos fins de semana e feriados; Praia do Forte, onde fica o Forte de São Lourenzo; Cacha-prego, de onde saem passeios de barco pelo manguezal até a praia do Gracez; e a Ponta de Areia, entre o Centro Histórico e a marina da cidade, sem corais.

Ilha de Itaparica

A enorme barreira de corais que segura toda a movimentação das águas na maior parte da ilha é o que garante grandes piscinões e ensina os visitantes sobre as marés do Norte e Nordeste. A variação do nível das águas é considerável: quando está alta, as areias são tomadas pela água e, quando está baixa, seca tudo e aparecem os corais.

Isso acontece todo dia com diferença de uns 40 minutos. Se na sexta a maré atingiu seu pico às 14h, no sábado será por volta das 14h40 e no domingo, 15h20… assim por diante. Meus filhos ainda são pequenos pra entender o movimento das marés, mas o Noah aprendeu a distinguir que não queria ir “pras pedras”, mas, sim, “pro marzão”. Viajar sempre foi a melhor forma de aprender cultura geral, né? 😉

Outros passeios na Ilha de Itaparica com crianças com menos areia

Itaparica com criançasItaparica é bem tranquila e pitoresca. Ruas de paralelepípedos e muitos casarões dos séculos 18 e 19 super bem mantidos e ocupados por moradores, empresas públicas e privadas. Seu Centro Histórico é bem pequeno e simpático. Mesmo em espaço reduzido, claro, tem mais de uma igreja, e também comércio turístico, um parquinho para as crianças (!) e a Praça da Quitanda, onde acontece a vida social debaixo da sombra das figueiras.

Itaparica com crianças

O bar do Negão, ali na praça, por exemplo, foi lugar certo pra encontrar João Ubaldo, o famoso escritor nascido na cidade que se tornou membro da Academia Brasileira de Letras e sempre foi assíduo frequentador da região até sua morte em 2014. Ali testamos e aprovamos a fofa e deliciosa sorveteria How Nice – a produção não é própria, vem de uma cidade próxima.

Itaparica com crianças

A uns 500 metros da praça fica a marina de Itaparica, outro lugar pra passear, mas que não está pensado para receber os pequenos. Não tem banheiro com trocador e dos três restaurantes somente um tem menu kids. Mas é bem gostoso andar no pier e ver os barcos. E vale observar a romaria à Bica da Fonte (bem do lado da marina), onde muitos moradores da ilha vão com galões para pegar água potável.

Itaparica com crianças

Não muito longe fica o Forte São Lourenzo, que está bem conservado e aberto pra visitação. Essas instalações sempre mexem com o imaginário dos maiorzinhos!

Itaparica com crianças

A travessia pra Ilha de Itaparica

Chegar na ilha pode ser uma aventura – pra bem e pra mal. A balsa ou ferryboat é quase um navio com estrutura pra levar veículos e cabine com vista panorâmica, bancos acolchoados e cafeteria para os passageiros, além de deck espaçoso – ideal pra curtir a vista ao ar livre. Uma aventura à parte pra criançada, principalmente durante o dia (à noite só dá pra ver as luzes de outros barcos que estiverem por ali).

Itaparica com criançasA balsa circula entre o Terminal Marítimo de São Joaquim, na cidade baixa de Salvador, e o Terminal do Bom Despacho, em Vera Cruz, entre 5h e 23h30, com partidas de hora em hora. A travessia leva quase uma hora e custa R$ 5 por pessoa e quase R$ 60 para carros. Mas cuidado nos feriados e fins de semana: é comum formar uma bela fila de horas que esgota a paciência de pais e filhos.

Outra opção, só para passageiros, é a lancha (embarcação com capacidade para 100 pessoas). Sai com mais frequência e cruza mais rápido a baía de Todos os Santos. A passagem custa R$ 7, funciona de 6h a 18h30, sai de meia em meia hora, e vai do Centro Náutico da Bahia, atrás do Mercado Modelo, em Salvador, ao Terminal Náutico de Mar Grande, em Vera Cruz.

Itaparica com criançasDentro da ilha circulam muitas vans (R$ 5 por pessoa) pra levar os moradores e visitantes entre os terminais, as praias, os hotéis e pontos turísticos. E também tem os táxis, sempre a postos  nos terminais e outros lugares estratégicos.

Ainda tem a opção de chegar na ilha por meio da Ponte do Funil, na BR-324. Mas não vale a pena pra quem quer fazer um bate e volta e estiver em Salvador (é um rolê de 270 km ou mais de quase 4 horas). Já pra quem vem de outra cidade ou quer evitar fila de horas na balsa pode ser uma boa pedida.

Onde ficar: pousada, casa e hotel em Itaparica com crianças

Grande Hotel Sesc Itaparica
Esta é a melhor opção pra quem vai com criança porque tem o espírito dos Sescs: ambiente adequado, monitores e atividades recreativas pros pequenos e também pros grandes. E o mais legal é que é um casarão de 1954 que era o Grande Hotel e passou por reforma quando o Sesc assumiu a administração. Fica perto da praia do Forte.

Hotel Icaraí

É um ícone da cidade. Bem central, de frente pro mar, na praia Ponta de Areia, e ótimo pra quem quer evitar o carro. Tem piscina e quartos para família.

Confira as tarifas do Hotel Icaraí no Booking

Pousada Alma Tropical

Rústica, mas muito simpática, o ponto positivo dessa pousada é que fica em meio a um trecho muito bem preservado de Mata Atlântica, é possível ver diferentes animaizinhos em seu habitat natural. Tem piscina.

Confira as tarifas no Booking

Pousada Casa de Praia Angatu

Rústica, mas muito simpática, o diferencial dessa pousada é que é pé na areia – o que quase não tem na ilha. Fica na praia de Aratuba.

Confira as tarifas no Booking

Casa para alugar em Itaparica

Pé na areia. Em Vera Cruz, equipada, 3 quartos, charmosa com jardim e piscina.

Confira as tarifas no Booking

Itaparica com crianças

A Rê Mesquita é mãe do Noah, do Liam, e tem rodinhas nos pés. Ela já conhece mais de 15 países, e vem reaprendendo a viajar desde o começo de 2017, quando o Noah nasceu. No meio de 2019, o Liam chegou para reforçar esse aprendizado. O mais importante pra ela é descobrir novos caminhos com os pequenos e não parar nunca de viajar.

 

Mais posts da Rê Mesquita:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *