Roteiro de 20 dias pela Europa com Crianças

Roteiro de 20 dias pela Europa com Crianças

Atualizado em

Planejar um roteiro de 20 dias pela Europa é uma delícia, mas sempre bate aquela insegurança: que cidades não podem ficar de fora, por onde começar, quantos dias em casa lugar, capitais ou interior? Vou dividir aqui com vocês o nosso roteiro de 20 dias pela Europa com as crianças. Para começar, uma explicação rápida sobre como foi feita a escolha dos destinos: cada um da família (somos em 4) tinha direito de escolher uma cidade (desde que fizesse sentido no roteiro). Lisboa seria nosso ponto de partida e chegada, já que estamos passando um tempo por aqui. Marina escolheu Paris, Olivia escolheu Roma, marido ficou com Amsterdam. Barcelona foi a minha opção. Gostei muito desse roteiro, principalmente para quem vem pela primeira vez para a Europa com as crianças e quer apresentar algumas das cidades mais emblemáticas, de diferentes culturas e línguas. É claro que muita coisa ficou de fora (nas viagens, como na vida, é preciso fazer escolhas!), mas acho que deu para curtir bastante cada destino, com tempo suficiente para conhecer as atrações e passear sem correria.

filas em roma

Leia também: 6 cidades na Europa para ir com crianças

Nosso roteiro foi assim:

6 dias em Paris

4 dias em Amsterdam

5 dias em Barcelona

5 dias em Roma

Roteiro de 20 dias pela Europa: as passagens de low cost

Se forem compradas com antecedência, as passagens internas têm preços bem atrativos, especialmente por companhias low cost como Ryanair, Easyjet, Vueling e Transavia. Todos os nossos trechos somados (exceto Paris/Amsterdam, que fizemos de trem), para os quatro, somaram cerca de 350 Euros. Compramos os trechos Lisboa/Paris, Rotterdam/Barcelona, Barcelona/Roma e Roma/Lisboa. Foram ao total 16 passagens (4 trechos x 4 pessoas). Ou seja: uma média de 22 euros por passagem. Muita gente não gosta de viajar de low cost e, de fato, há vários itens que devem ser levados em consideração: os aeroportos muitas vezes ficam longe das cidades, é preciso pagar um valor extra para despachar a mala e marcar os assentos (que são apertadinhos) e a comida é paga separadamente. Também há muitas reclamações de atrasos ou cancelamentos (o que não aconteceu com a gente em nenhum trecho). A favor, há apenas um fator: o preço. Fizemos os cálculos e achamos que valia a pena pagar os custos a mais de transporte, planejamos bem o tempo dos deslocamentos entre os aeroportos e os destinos e ainda assim achamos que valia a pena. Mas atenção: faça isso com calma, estude as distâncias e as opções de transporte, analise a sua bagagem (se for o caso, vale pagar o valor extra para despachar) e leia todas as regras e os asteriscos atentamente para evitar surpresas desagradáveis. As regras variam de companhia para companhia, inclusive o tamanho da mala que pode ser levada dentro do avião. Para nós, o maior desafio foi convencer as meninas que elas poderiam viajar 20 dias com uma malinha pequena. E quer saber? Foi libertador! Acho muito bom viajar com pouca bagagem, não ter que esperar a mala na esteira e não perder tempo escolhendo o look do dia (vai o que está limpo mesmo kkk). Detalhe importante: tive o cuidado de escolher apartamentos no Airbnb que tivessem máquina de lavar roupa, então as peças básicas iam sendo lavadas sempre que necessário.

 

Roteiro 20 dias pela Europa: 1º destino, Paris!

Roteiro Paris

Como compramos a passagem pela Ryanair, desembarcamos em Beauvais, um aeroporto que fica a 100 quilômetros de Paris. De lá pegamos um ônibus (17 € por pessoa) e em menos de 1h30 chegamos em Porte Maillot, no centro da cidade. Nos hospedamos em um apartamento alugado no Airbnb no Quartier Latin, uma boa localização para conhecer os principais pontos turísticos da cidade. Já tínhamos comprado bilhetes para as subir na Torre Eiffel, visitar o Louvre, o museu d’Orsay e a Disney com antecedência no GetYourGuide, o que facilitou muito a nossa vida e nos poupou de perder tempo em filas enormes. Além dessas atrações, passeamos muito a pé pela cidade, fomos ao Jardin d’Acclimatation, à Fundação Louis Vuitton, ao Atelier des Lumières, alugamos uma bicicleta para passear na beira do Sena, almoçamos e jantamos em restaurantes gostosos e curtimos muito a cidade. Acho que seis dias é um tempo bem razoável para fazer as principais atrações sem pressa, caminhar pela cidade (que é uma das coisas mais gostosas de se fazer em Paris), deixar as crianças brincarem tranquilas nos parques e carrosséis das praças, fazer as refeições com calma e até repetir os programas preferidos. Para ler o post com o roteiro completo e muitas dicas de Paris, clique aqui.

Escolha aqui seu apartamento em Paris 

Reserve com antecedência seu ingresso para a Disney Paris aqui 

Compre ingressos e tours em Paris aqui 

Roteiro de 20 dias pela Europa: 2º destino, Amsterdam!

 

Roteiro de Amsterdam

Para chegar em Amsterdam, pegamos um trem na Gare Du Nord, em Paris, e fizemos uma viagem que durou pouco mais de 3 horas. Foi tão gostoso que achamos que passou rápido demais! Chagando lá, desembarcamos na Amsterdam Centraal e fomos a pé até o nosso hostel no Voldenpark (as vantagens de viajar com malas de mão). Já no caminho foram todos se apaixonando pela cidade. Minha última vez lá havia sido há mais de 20 anos. Ou seja, já nem lembrava mais como essa cidade é linda! Também me surpreendeu a quantidade de coisas legais para fazer com crianças. Há muitos museus, parques lindos, os passeios de barco no canal, a casa da Anne Frank (que infelizmente não conseguimos ir porque não compramos os ingressos com antecedência), o Nemo Science Museum, a parte nova com atrações como o This is Holland e o Adam Look Out… É muita coisa legal para fazer que confesso que achei 4 dias um pouco corrido. Curtimos tanto, que gostaria de ter repetido alguns programas e feito outros que não deu tempo. Como a cidade tem muitos museus, alguns ficaram de fora do nosso roteiro porque fazer mais de um museu por dia acho cansativo para as crianças (pra os adultos também). Além disso, pegamos dias lindos de sol e queríamos curtir a cidade ao ar livre. Chegamos até a fazer um piquenique no parque, foi muito gostoso. Amsterdam também nos encantou muito por ser uma cidade aberta, com um povo incrível. Um lugar que defende a liberdade, a diversidade, as diferentes formas de pensar e a paz, que os deu muitas oportunidades de mostrar para as meninas como é possível viver em um mundo mais tolerante. Saímos de lá apaixonados e loucos para voltar em breve. Leia o nosso roteiro completo com dicas de hotel, passeios e restaurantes aqui.

Reserve aqui os tickets e passeios em Amsterdam 

Hotéis em Amsterdam: StayokayMr. JordaanCanal House The TanneryIbis Style Amsterdam CityHotel De Hallen, Hotel van de VijselCityHub AmsterdamPillows Anna van den Vondel Amsterdam

 

Roteiro de 20 dias pela Europa: 3º destino, Barcelona!

Roteiro de 20 dias na Europa com crianças

Parque Tibidabo

Minha escolha por Barcelona teve um motivo especial: além de adorar a cidade, tenho grandes amigos lá e como iria comemorar meu aniversário durante a viagem, queria fazer isso com pessoas queridas por perto. Foi uma delicia nossa estadia por lá! Além de ser linda, Barcelona é uma cidade cheia de atrativos para as crianças. Já tinha ido algumas vezes, mas nunca com as meninas, então pude ver a cidade sob outro ponto de vista. Fomos visitar as atrações mais conhecidas, como o circuito do Gaudí (Sagrada Família, Parque Güell, Casa Millá, Casa Batlló); o Camp Nou (campo de futebol do Barcelona); passemos muito pelas Ramblas, pelo Bairo Gótico e Raval e aproveitamos para conhecer alguns lugares que, sem as crianças, nunca tinha nos atraído muito, como o Tibidabo (parque de diversões que fica em cima de uma montanha, muuuuito legal) e o Cosmo Caixa (museu de ciências incrível). Também aproveitamos o sol e o calor para passar uma tarde na praia de Bogattel (no bairro de Poble Nou), um pouco mais para frente da Barceloneta (que é muito turística e muito cheia). Foi uma delícia porque a água não é fria (mar Mediterrâneo) e é bem azulzinha. Outro destaque da nossa viagem foi o Festival de Gràcia (o bairro em que ficamos hospedados), que acontece sempre em agosto. Os moradores decoram as ruas para uma festa que dura uma semana. As ruas concorrem entre si para ganhar um prêmio pela melhor decoração. E eles levam isso muito a sério, é impressionante. Há também muitas atividades, peças de teatro e shows pelo bairro inteiro. Do lado do nosso apartamento foi montado um parque de diversões daqueles bem tradicionais, com trem fantasma e carrinho bate-bate, a Olivia amou! Barcelona é uma cidade muito bacana, com muitas coisas para conhecer, mas é fácil de se locomover e tudo é relativamente próximo, então acho que seis dias está de bom tamanho. Leia aqui esse post da Ana que morou muito tempo em Barcelona, é casada com um catalão, mãe de um catalãozinho fofo, e vive por lá!

Confira esta seleção de hotéis bem localizados em Barcelona que acomodam bem famílias com crianças no Booking

Compre ingressos, passeios e visitas guiadas em Barcelona aqui 

Roteiro de 4 dias em Barcelona

Roteiro de 20 dias pela Europa: 4º destino, Roma!

filas em roma

Finalmente Roma! Passei a minha vida toda sonhando com esse momento. Já tinha visitado Milão, mas ainda não tinha conhecido essa cidade maravilhosa, onde você tropeça na história da civilização ocidental a cada esquina! Nem preciso dizer que a família toda se apaixonou perdidamente, né? Isso sem falar na comida: massas com molho carbonara e amatriciana, fiori di zucca, alcachofras fritas, queijos, tiramissus e muitos gelatos!!! Acho que engordei 1 quilo por dia e não me arrependo nenhum um pouco!!! Ficamos hospedados em um apartamento alugado no Airbnb perto da Fontana de Trevi, a localização era boa porque dava acesso fácil às principais atrações, mas muito cheia de turistas, um pouco cheia demais. Em Roma também é muito importante (obrigatório) comprar ingresso para as atrações com antecedência. Compramos no GetYourGuide uma visita guiada no Coliseu e Fórum Romano que valeu muito a pena, especialmente porque os guias foram incríveis e pudemos absorver muitas informações que não teríamos conseguido sozinhos. As crianças curtiram muito a visita, pois já tinham aprendido sobre o Império Romano na escola e puderam se aprofundar um monte: in loco! Também compramos o ingresso para a Basílica de São Pedro e Museu do Vaticano com áudio-guia. Leia esse post aqui que eu explico melhor como funciona. Na minha opinião, 5 dias é um bom tempo para aproveitar a cidade, mas acho que ficaria a vida toda por lá sem enjoar! É verdade que Roma é um pouco cheia demais, principalmente no verão, mas isso não nos impediu de fazer nada. É preciso apenas planejar bem e ter paciência.

Leia aqui o nosso roteiro completo de 5 dias em Roma 

Compre ingressos, passeios e visitas guiadas em Roma aqui 

Hotéis recomendados no centro histórico de Roma pelo Booking: Primo Piano SuitesThe Club Navona, Navona Street Hotel

Outros posts sobre Europa com Crianças 

Lisboa com Crianças 

Londres com Crianças 

Munique com Crianças 

Como evitar filas em Roma, em Paris e outras grandes cidades!

Roma com Crianças 

Seguro de viagem para família na Europa

Sabia que o Seguro de viagem é obrigatório para quem vai para Europa? Na hora que pesquisar o seguro para a família, use nosso CUPOM na Seguros Promo e tenha 5% de desconto: VIAJOCOMFILHOS5ACESSE O SITE SEGUROS PROMO E CONFIRA!

Reserve seus ingressos e programe seus passeios com antecedência no GetYourGuide

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Booking.com

Fernanda Ávila é jornalista, autora do Guia Nova York com Crianças, e mãe da Marina e da Olivia. Morou em Nova York e Lisboa e é sócia da Pulp Edições.

Ver meus outros posts

1 comentário

  1. ResponderKelly Resende

    Adorei o post, dessas cidades conheço Paris e Amsterdam e amei muito as 2. Vamos para a Italia ano que vem, mas decidimos deixar Roma de fora, justamente porque não temos muito tempo e achamos que só lá vale ficar uns 5 dias.
    Deu mais vontade ainda de viajar e aproveitar as dicas
    Abraço

Deixe uma resposta para Kelly Resende Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *